Brand new game

Eu lembro de tudo que eu já quis, de todos os planos que, detalhadamente planejei. Das promessas de mudar, das vontades, desejos que tanto tiravam a minha atenção, não importa o que eu tivesse fazendo. Eu tinha vontade de mudar. Quantas viagens planejei, quantas malas comecei a fazer, e quantas vezes pude me imaginar no destino desejado.
Hoje eu vejo que sou um pé preso. Que não tenho coragem de fazer absolutamente nada do que planejei. Que só falo da boca pra fora. Me sinto uma pessoa medíocre, invisível num mundo com tantos outros invisiveis… Hoje, exatamente hoje, eu entendo porque eu gosto tanto de observar as pessoas… É por ver a vontade e a motivação de fazer alguma coisa que elas tem, e eu não.
Eu poderia dar uma de psicopata e dar um fim pra isso tudo, mas é extremista demais, e não acho que conseguiria fazer do jeito que eu fosse possivelmente planejar.
Eu poderia também resolver sair dessa rotina e tomar um rumo qualquer. Finalmente pegar as minhas malas e partir. Decidir um destino no meio de um caminho qualquer.. Mas eu sou conformada demais pra sair daqui.
Eu sei que eu posso ficar aqui, assistindo, como sempre fiz, e como, pelo jeito, vou continuar a fazer…

Mudar não é tão fácil quanto parece…

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s