Caso Thor Batista – Fomos surpreendidos novamente

Como é de conhecimento geral, Thor Batista, 20 anos,  filho do bilionário Eike Batista envolveu-se em um acidente no último sábado, (17). No acidente Thor atropelou e matou um ciclista, Wanderson Pereira dos Santos, 30 anos em sua Mercedes de só 2 milhões de reais (média).

Foi então que começou uma comoção nacional contra ricos metidos com seus carros importados. A princípio o primeiro indício é que Thor estava bêbado, drogado e por isso aconteceu o acidente. Thor então fez o teste do bafômetro, que deu 0,0% de álcool no sangue.

Ok, ele não estava bêbado. Mas sem dúvida alguma não vai ajudar em nada, fugir das responsabilidades que tem, já que é milionário, diziam as pessoas em suas redes sociais e rodas de bar. Errado! Thor prestou todo e qualquer apoio que estava ao alcance dele, inclusive arcando com os custos do velório do ciclista.

Então ele só podia estar acima do limite de velocidade. É um moleque inconsequente, riquinho mimado. Sem dúvida! – Não, não é. A velocidade do carro pode ser “confirmada” pelo simples fato de que os airbags do carro não foram acionados. O que significa que o carro não estava a mais de 100km/h (quando os airbags acionam).

A massa começa a estranhar. Então dizem que Thor, Eike e seus três advogados não deixaram fazer a perícia necessária para comprovar o acidente ou a culpabilidade do “moleque”. Errados novamente. Toda perícia foi feita, o carro não foi alterado ou a perícia teve qualquer tipo de dificuldade com a família em relação a isso.

Então descobrem o motivo do acidente. Na CNH de Thor constavam 52 pontos, esses na grande maioria por multas de limite de velocidade ultrapassado. Uma pessoa pública e cheia da grana com 20 anos sai pra beber acompanhada provavelmente de no mínimo uns 4 seguranças. Nenhum milionário que se preze deixa o destino bater à porta e espera que a vida seja sempre boazinha com eles. (Como se ter dinheiro, viagens, carros e mansões não fosse o suficiente, dizem os mais invejosos). Então se eu sou um desses 4 caras, eu sem dúvida alguma dirigiria o carro como se estivesse num filme do Velozes e Furiosos. Não justifica, mas é óbvio que o carro não era dirigido por apenas uma pessoa.

Datena, mais uma vez faz a festa. Se lambuza na alegria que é culpar alguém. O juiz todo poderoso da nação da classe bitolada brasileira.

Hoje então sai o laudo do exame toxicológico de Wanderson. Foi detectada a concentração de 15,5 dg/L de álcool na vítima. E agora José? Como culparemos Thor? Ou pior, será que podemos culpar o pobre Wanderson por tudo que aconteceu?

Permaneci sem me manifestar sobre o caso até agora por um simples fato: Precisamos de provas para acusar, incriminar alguém. Provas concretas. Aqui mesmo no trabalho, enquanto escrevia o post um amigo parou atrás de mim e disse que o exame foi comprado. Não acredito que tenha sido.

Eu acredito em um mundo que pensa que temos que culpar sempre quem se encontra numa posição melhor que a gente por erros que eles podem (ou não) ter cometido. Tendemos a achar que só porque ele é “um moleque milionário” que ele não tem a mínima consciência de seus atos. Estamos muito errados.

O caso de Thor não é uma verdade universal. É um dos poucos na verdade que vi até hoje em que ele assume toda a responsabilidade de seus atos. Contrário extremo do caso da menininha que foi morta atropelada pelo Jetski. A família do adolescente é de Mogi das Cruzes (minha cidade “querida”), e quando a notícia estava já na “boca do povo”, sem saber o nome dos envolvidos, em Mogi só se falava no nome de uma família específica. Dito e feito. Enfim, só uma consideração a respeito desse outro caso.

Quer dizer, caráter, decência, consciência e responsabilidade não vem de berço ou de bolso. Julgar da poltrona de casa uma imprudência alheia é muito fácil. Querer sacrificar alguém por isso então…

O que fica dessa história toda? Absolutamente nada. Assim que tivermos um próximo caso semelhante, sacrificaremos então o mais forte. Porque é esse o papel dele na sociedade…

Obs: Sou pobre, tenho atualmente 13 reais na minha conta corrente e não acho que isso seja uma Ode à riqueza. Acho que temos que rever nossos conceitos sobre tudo e todos. E pensar pelo menos mil vezes antes de falar. (Queria eu seguir meu próprio conselho mais vezes)

137 thoughts on “Caso Thor Batista – Fomos surpreendidos novamente

  1. Agora a onda é falar mal do filho do Eike Batista e, por tabela, do seu pai. Foi um acontecimento extremamente infeliz, fato. De repente, tudo que o moleque fez na vida vem à tona e vira julgamento popular. Eu nem o conheço pra saber como ele é no dia a dia, se é imprudente, se é um playboyzinho de merda e esbanja a grana do pai rico ou não. A questão é que, de repente, ele virou o inimigo público número 1 do Brasil.

    O brasileiro tem aversão ao sucesso. Tudo que faz sucesso ou está no topo é ruim, é perseguido, deve ser julgado. E quanto mais sucesso, pior. Uma tremenda hipocrisia, porque tudo que a gente busca na vida é o sucesso seja ele financeiro, profissional, como pais, filhos, amigos, etc. A gente passa a vida buscando o sucesso e não consegue lidar com o fato de que algumas pessoas (que não nós) chegaram lá. E aí a nossa saída é criticar, falar mal, buscar motivos para provar que aquela pessoa pessoa não é boa, não merece…

    Acho que só pode criticar o rapaz quem nunca bebeu antes de dirigir, quem nunca andou alguns quilômetros acima da velocidade permitida pela via, quem nunca esqueceu de dar uma seta antes de virar, quem nunca furou um sinal, parou em cima da faixa, nunca tentou usar “o jeitinho brasileiro” com policial, quem nunca tomou uma multa ou cometeu qualquer deslize. Quem nunca? Eu já fiz muita merda e sei que você também.

    Se ele é culpado, acho que ele tem que ser punido sim, mesmo sendo filho de bilionário. Mas o chato é ver um monte de gente que eu sei que faz/fez um monte de cagada ficar pagando de santinho. Queria ver se você no lugar dele, se você faria diferente.

    prontofalei.

    • A única coisa que esses policiais e resto de corja desse país nao pode forjar, é o estado em que ficou o corpo do cidadão!! Vai dizer que foi o alcool dele que fez aquilo com o corpo dele??? Me poupe!! Infelizmente nessa boxta de país quem manda é quem tem dinheiro, e quem tem MUITO DINHEIRO, COMPRA A PROVA QUE QUER!!! A justiça da terra o riquinho pode ter se safado. Assim como vários outros riquinhos assassinos, saem impunes nesse país de ladrões!! mas da justiça de DEUS, felizmente dessa daí ele nao escapa. Nao tem como o papai, com todo o dinheiro do mundo comprar!!!

    • “É difícil entender, por exemplo, por que um carro envolvido em uma morte está na casa de Thor, o investigado – e não nas dependências da polícia.
      Segundo o próprio Thor relata na conta no twitter que criou para dar sua versão dos fatos, ele primeiro foi para casa, onde seria atendido pelo médico da família, e só depois, por iniciativa própria, foi a um posto da Polícia Rodoviária Federal próximo ao local do acidente para se submeter ao bafômetro e demais procedimentos exigidos em um caso de atropelamento com vítima fatal. O exame deu negativo para a presença de álcool, ao contrário do resultado de Wanderson, que revelou um índice elevado de álcool no sangue.”
      http://revistaepoca.globo.com/Sociedade/eliane-brum/noticia/2012/03/eike-batista-um-superpai.html

      LEIAM!!! É MUITO MAIS INTELIGENTE DO QUE ESSE LAMBE CU FALOU AQUI!!!

    • Que estoria é essa de air-bag só funcionar acima de 100 kms? Carro batendo em bicicleta nunca fará o air-bag abrir independente da velocidade do carro.

      O air-bag se abre em função da desaceleração e uma bicicleta não tem massa suficiente para isso.

      • Bem Observado!

        Aqui na Terra pode-se comprar as provas, mas nós do povo e os envolvidos saberemos pelo resto de nossas vida que foi o assasino.

      • Exatamente: Nós, sabemos que Thor é um assassino culposo, mas um absurdo sinismo, aliado ao desejo de parecer original, pode explicar pessoas aqui tentando tapar o sol com a peneira, tipo ” Não há provas, ele é inocente” O DINHEIRO de Eike ja absolveu Thor antes mesmo de ele abrir a boca…

  2. Você tem 15 dias pra ir lá e reclamar os pontos que levou na carteira, e passar pro infrator de verdade. O riquinho não quis sair do troninho dele pra ir lá reclamar os pontos? É meio óbvio que ele não tem prudência nenhuma ao dirigir.

    • Mesmo com todos os fatos mastigados você acredita nisso? Não estou julgando o fato da mínima importância que ele(s) deu(deram) aos pontos na carteira, mas sim aos fatos que estão presentes aos nossos olhos!

      • Quantas vidas não sao tiradas por dia de pessoas que estavam no lugar errado, na hora errada? Quantas outras sao tiradas injustamente por tantos outros motivos? Não esquecemos a morte de um ser humano. Apenas ressaltamos como o ser humano reage com outro ser humano. O peso de ter matado alguem, por si só me parece “suficiente”, não?

      • Não acho que o Thor tirou a vida de alguém (essa é para o fatsbuccha).

        Um ciclista que anda completamente bêbado no meio de uma pista de alta velocidade está querendo morrer ou assumindo o risco do resultado.

  3. Não só é pobre como é ignorante, acredita piamente num exame forjado e obviamente numa história bem arquitetada para proteger o “pobre” Thor Batista.É JUSTAMENTE POR EXISTIREM PESSOAS COMO VOCÊ QUE O BRASIL SEMPRE SERÁ A MERDA QUE É COM ESSA MONTRUOSA DESIGUALDADE SOCIAL. Ser pobre é uma coisa, comer a merda de ricos é bem diferente. Tomara que o 7 Homem mais rico do mundo tenha se alegrado com esse seu texto ridículo e te dê uma esmola de R$50,00 pelo menos, voce terá R$63,00 na sua conta corrente.

    • O problema é que ninguém vai provar nada contra o Thor. No one dare. Que pai deixaria o filho se ferrar quando pode “ajudar” ?

    • Dificil nese país é PROVAR O CONTRÁRIO, com tantos servidores corruptos. Quem tem dinheiro prova o que quer. Eu acredito sim, que as provas foram forjadas… e pior isso é mais um impune! Pois diariamente pessoas são assassinadas, atropeladas, assaltadas (principalmente por quem tem dinheiro) e nada acontece com elas

  4. Exatamente, só quem passou o que o Thor e a família que está passando por isso sabe, como já passei. Meu irmão atropelou e matou um rapaz de 1;85 que mal cabia no fusca dele, faz anos isso, mas deu assistência, correu inquérito no qual ficou comprovado que meu irmão não teve culpa, mas teve testemunha dizendo que meu irmão com um fusca estava tirando raxa com um mustang, para vcs verem que tem gente sim que quer ferrar com os outros. Não julguei ninguém, pq quem julga por lei é o Juiz e pelo divino é Deus. Ainda vai ter processo cível que a família irá pedir indenização, como houve com meu irmão, mas graças a Deus, foi julgada improcedente, se não ele teria que “sustentar” a família dele por mais de 30 anos. É a nossa justiça, ruim ou não temos que esperar e rezar para que seja o certo. Sinto muito pela família do rapaz que faleceu. Pelo Thor tb, apesar de sua pouca idade, sempre pensará no que ocorreu. Só acho que não devemos julgar ninguém enqto não se tem provas. Parabéns pelo texto!

    • Se seu irmão tivesse 10% da grana do Eike, teria se livrado das consequencias em uma semana, sendo culpado ou não.

  5. Quantos adolescentes voce conhece com menos de 21 anos que já atropelaram MAIS de um ciclista?

    O acidente na BR-040, que culminou na morte do ciclista Wanderson Pereira dos Santos, não foi o primeiro envolvendo o empresário Thor Batista. No dia 27 de maio de 2011, o filho de Eike e Luma, a bordo do Audi placa EBX 0001, atropelou um senhor de 86 anos, também numa bicicleta, segundo informa Ancelmo Gois em sua coluna desta sexta-feira. O acidente foi na Avenida Sernambetiba, na Barra.
    Uma ambulância do Samu levou o idoso para o Hospital Lourenço Jorge. Depois, ele foi transferido para o Copa D’Or. Thor prestou socorro ao senhor e pagou todas as despesas médicas. Segundo um filho da vítima, que prefere não aparecer, a família não registrou queixa e não pediu indenização:
    – Estávamos preocupados em salvar nosso pai, que também não queria confusão.
    O senhorzinho, hoje recuperado, fraturou o acetábulo (parte da bacia onde a cabeça do fêmur se encaixa) e precisou colocar duas placas e cinco parafusos. Ele fez fisioterapia, hidroterapia e teve sessões com psicólogo para se livrar do trauma.

    Coincidências à parte, mas seus argumentos são pobres quando se considera o passado do muleke. Acho que ele teve bastante tempo parar aprender o processo realizado após um acidente para se safar como funciona com a pequena burguesia brasileira desde os tempos do império. Seu artigo é válido, mas inocente em pensar que a mercedes foi vítima.

    • Não acredito que a Mercedes foi a vítima. Acredito que um sem fim de pessoas julgaram um caso sem conhecer os fatos e as evidências. Quanto ao caso do senhor de 86 anos, no momento não me lembrei. Com seu comentário acho que lembro de alguns fatos! O caso é esse, e essa sendo inocente ou não é minha opinião. Posso estar certa ou completamente errada, mas quem irá me julgar por isso???

      • Sua concesciencia lhe julgará. Sempre será ela. Pode não dar em nada isto – como não dar mesmo – Pela reportagem da record, nem a familia do rapaz quer falar mais…Porque hein? Não quero saber. Como contra fatos não há argumento, voces viram o estado do carro, gente parecia uma rocha de toneladas em passou ali.

      • Quem a julgará por isso, minha cara?
        O tempo, inexorável !!! Este, que colhe e armazena informações, muitas vezes varridas para baixo do tapete da consciência.
        Ja dizia o saudoso Nelson Rodrigues, toda unanimidade é burra !! – No calor da emoção, onde vários temperos dão o toque, como disputa de classes, esgotamento da paciencia do povo com a impunidade daqueles que são poderosos, manipulação de depoimentos, de provas, inveja por este ou outro serem milionários, poderosos, famosos, bonitos, etc…Tudo isso, sugere um pré julgamento de Thor..
        Contudo, deixando de lado essas amenidades, vamos nos ater aos fatos?
        Thor é culpado !! Cometeu um assassinato culposo, com o agravante de ser conhecido e contumaz amante da velocidade, em vias de trafego comum aos mortais que não vieram de Asgard !
        Confissão de culpa no Twitter, (em outra ocasião) “vim pela Dutra a 280 km/h, no meu Aston Martin”
        É culpado de suborno de policial federal, que logo após o homicídio, forjou um depoimento, afirmando que o Wanderson cruzou a pista. É sabido, que várias testemunhas disseram que o acidente ocorreu porque o Deus do Trovão perdeu o controle ao ultrapassar um onibus, em velocidade altíssima, e atingiu Wanderson NO ACOSTAMENTO !!, trajeto este, que o falecido fazia diariamente, sem necessidade de atravessar a pista , como disse o corrupto policial.
        Eike é culpado, pois sabia . desde o excesso de multas por excesso de velocidade, desde o suborno no DETRAN, que permitiu que Thor não fosse punido, como qualquer cidadão comum, com a suspensão do direito de dirigir, já que no primeiro ano de CNH, já fez 18 pontos , quando a lei não permite nehnum.
        No enterro do chefe de familia, seus assessores, questionaram , de forma humilhante, o valor de R$ 8.ooo,00 (oito mil reais), das despesas do enterro. Decerto, pensaram que nós, pobres, temos o costume de superfaturar o valor do caixão do arrimo da família, em alguns trocados..
        Seu texto, que supostamente principia por chamar a serenidade de evitar o pré julgamento, ja vem viciado em pre julgar os semideuses como inocentes, afinal, o abusado ciclista, deveria estar estendendo um tapete vermelho para o Deus de Asgard passar, e não ter o atrevimento de andar de bicicleta perto de um Deus !
        Que os deuses de Asgard possam somar algumas migalhas a mais aos seus treze reais…

  6. Assim que vi a condenação pública e sumária de Thor Batista escrevi em meu blog defendo a investigação séria, o julgamento correto, a pena a quem tivesse culpa. http://exercercidadania.blogspot.com.br/search?updated-min=2012-01-01T00:00:00-08:00&updated-max=2013-01-01T00:00:00-08:00&max-results=6. Estou cansada de assistir os juízes de fato condenarem sumariamente as pessoas só porque elas têm mais dinheiro, sucesso ou fama que os demais. Se Thor é culpado, que seja condenado e responda como qualquer outro, se ele é inocente, que receba a absolvição, mas isso deve ser com base nos fatos, não na sua condição financeira ou na condição financeira da vítima.

    • Se fosse em New York, né? que pais voce acha que tá? Que corruptos condenados estão cumprindo férias em suas, casas. Onde no maior estado economico do nosso pais não se pode prender um prisioneiro por que não tem sela especial para o tal? voce acha que. Ahhh por favor, brasileiro tem mente de alice… acorda.

    • Se Thor for declarado culpado, e se soubermos disso, e se… no Brasil, só quem é preso é pobre. Já viram algum rico na cadeia, por piores que sejam seus crimes? E aí, na verdade, o pobre do princepezinho virou vítima…. Nada de culpar antes de um julgamento, mas vcs acreditam mesmo que haverá um julgamento???? ah, tá… isso aqui é Brasil!

    • Cara Raquel:
      Como seria boa, nossa podre sociedade, caso se pautasse pelo simplismo de sua visão: Se for culpado, que pague como qualquer um de nós…
      Absurda a tentativa de pessoas alienadas, manipuladas, inocentes úteis, ao defenderem aqui uma pretensa estátua da justiça vendada: Ela não existe !!!
      Aqui, todos vendemos nossa consciência prostituta, depende apenas de valores mais ou menos polpudos !!
      A condição financeira da vítima, e do assassino, será fundamental e preponderante para o julgamento. Quem viver verá.
      Mas, eu estou disposto, a apostar qualquer quantia em dinheiro, com qualquer um que este julgamento, ja tem resultado: O filho de Odin, sairá, não só absolvido, mas incensado pela prostituta que ha em cada um de nós !!!
      Povinho asqueroso !!! Raça sub humana !!!
      Só o fato de ser milionário, em detrimento dos que passam necessidades, ja o torna criminoso !!
      O que ele transmutou? quantos átomos ele acrescentou ao planeta? Quando for embora, quantos átomos além dos que compões seu ectoplasma, levará daqui? Então, ele é dono de que mesmo??
      Toda propriedade, é um roubo !!! Apenas Deus é dono de tudo…

  7. Amigo,

    Vc sintetizou tudo o que poderia ser dito. Antes dos fatos há sempre a especulação e o julgamento público. Provas? Quem se importa! A verdade é óbvia!!

    Infelizmente nossa sociedade é hipócrita demais para perceber que adoramos os ídolos, mas somos sempre os primeiros a derrubá-los – com ou sem motivos.

    Ótimo blog. Parabéns pela escrita.

  8. Ao autor do texto:
    Onde foi que te ensinaram que air-bags só são acionados se o carro estiver a mais de 100 Km/h ?
    Até onde se sabe, quem aciona os air-bags são sensores (de pancada) localizados próximos dos faróis e rodas dianteiras. Em certos casos, batidas a pouca velocidade (30 a 40 Km/h) são capazes de acionar os air-bags, se algo pressionar os sensores.
    O rapazinho gosta de correr, e o carro ajuda. Só falta ele aprender a manerar o pé do acelerador, porque não está sozinho no mundo nem as estradas são só dele.
    Ele sairia muito melhor dessa palhaçada se reconhecesse a culpa por estar correndo demais. Seus advogados dariam um jeito de ele não ir para a cadeia.
    Quando é que essa turma de babões vai parar de tentar “tapar o sol com uma peneira”?

  9. Concordooooo!!!!!!!
    Qdo vi o caso na tv na mesma hora pensei:
    “O çiclista q é o culpado.”
    Cara, isso é óbvio! Pensa soh:como é q um cara numa bicicleta atravessa uma estrada movimentada, a noite?
    É doidisse ne?

    Da mesma forma acontece qdo um pedestre atravessa a rua correndo sem esperar os carros darem passagem. Dps os culpados são os motoristas. Quem eh mais fácil frear numa situação de emergência?
    Um motorista de carro ou um pedestre, um ciclista,?

    Tbm concordo c/ o Leo Curcin, o brasileiro não suporta a idéia da riquesá, embora passe a vida buscando oq ela proporciona. Que contradição não?!

    valeu aih!

  10. não acredito em “prova” nenhuma, em um país onde um punhado de dólares compra qualquer coisa. e bem, eles tem VARIOS punhados….

  11. Exatamente o que eu penso. Maldita sociedade que teima em julgar as pessoas antes dos fatos serem comprovados e que acha que ter dinheiro é sinônimo de ser irresponsável e inconsequente.

  12. O fato é que houve um lamentável acidente que podia ser evitado. No entanto quem não o fez, pagará de certa forma pelo seu ato, seja ele quem for.
    Acredito numa força maior. Esta força sim terá todos os parâmetros para julgar a situação. Deus.., essa é a força maior!

  13. Hahhaha Parabens pelo texto muito bem escrito… mais com esse sua inteligencia toda, fica dificil acreditar, que vc acredita mesmo no que escreveu hein … e outra muitos laudos ainda nao sairam, principalmente o que aponta a verdadeira velocidade do carro, fica a dica!!! A corda sempre arrebenta do lado mais fraco, esse é o Brasil, idiotas somos nós que ficamos aqui debatendo um assunto que sabemos que nao vai dar em nada como muita coisa nesse país…É triste ler isso…

  14. eu faço pericias de carros acidentados… pela foto ou ele atropelou um cavalo (animal) ou ele estava a no minimo 200km/h! texto muito bom.. porem existe muito mais coisa por tras disso!! eh muito facil ele dar dinheiro pra qlqr policial falar q ele nao bebeu ou comprar uma testemunha ou comprar até mesmo vc!!

    o dinheiro num caso desses infelizmente faz toda diferença

    ele tinha uma arma na mao e mato uma pessoa. Omicidio culposo!!!!!!

    • se especializa na lingua portuguesa, por favor! ele não matoU uma pessoa, foi um acidente e se você realmente faz perícias em carros acidentados precisa aprender escrever “Homicídio em seus laudos, pq e se “Omicidio” não existe, meu senhor!

  15. Letícia,

    Bato palmas pra você. Bato palmas, em primeiro lugar, pela iniciativa de debater um tema de interesse público.
    Num mundo em que romances entre os artistas e bebedeiras dos jogadores de futebol tem tanta importância, a sua iniciativa é admirável.
    Bato palmas, em segundo lugar, porque você assumiu uma posição, deu a cara a tapa. Pode ser até que mude de posição no futuro, mas assumiu uma, entrou no debate com franqueza. Isso é muito importante.
    Bato palmas, em terceiro lugar, porque a sua abordagem tem tudo a ver com o que há de mais básico em Direito Penal, princípios sem os quais não poderíamos conviver em sociedade, mas infelizmente desconhecidos por jornalistas e à população em geral (por exemplo, quando dizem que policial tem que sair dando porrada ou matando “bandido”).

    Eu fui uma das pessoas que adotaram postura “de ataque” ao Thor. Mas meu ataque se dirigiu especificamente a um dos fatos envolvidos na morte do ciclista: o delegado ter liberado o carro do Thor antes de se fazer a perícia. Em tese, isso é absurdo. O possível autor de um crime não pode ficar de posse da principal prova. Um amigo advogado disse, contudo, que é praxe das delegacias, que o Poder Público não tem estrutura para guardar os carros, etc. Eu ainda acho que não é qualquer pessoa envolvida em acidente de trânsito com morte que consegue retirar seu carro antes de ser feita a perícia. Mas tudo bem, não vou bater o pé sobre isso. Ele não foi indiciado. Nunca vamos saber se teve ou não culpa.

    Quero chamar a atenção para aquilo que pra mim é mais importante:
    1º a ineficiência das nossas instituições de fiscalização do trânsito. Uma pessoa que tem mais de cinquenta pontos na permissão pra dirigir não pode dirigir livremente. Seja rica, seja pobre, tem que ter a habilitação apreendida e pronto.
    2º O descompasso entre o apelo da indústria automotiva e as condições das nossas estradas. É difícil até pra mim, com meu carrinho 1.6, respeitar os 120km/h das nossas rodovias (e só das melhores, aliás. Nas demais, costuma girar em torno de 90km/h). Se eu tivesse uma máquina como a dele nas mãos, certamente a dificuldade seria multiplicada por mil. Mas não se pode deixar de fabricar máquinas como essa, porque geram emprego, impostos e blá, blá, blá. Admitamos então que as pessoas vão superar os 120km/h hoje permitidos e vamos criar condições seguras para que isso seja feito. Pistas expressas, na esquerda, que não permitam ao pedestre ou ciclista nem sequer imaginar atravessar a estrada. Pistas realmente pensadas para esse fim, de modo que o motorista só coloque a própria vida em risco ao sair voando com sua máquina.

    Sem instituições de fiscalização funcionando bem, e sem que se supere essa hipocrisia, continuaremos como um dos cinco países em que mais pessoas morrem pessoas no trânsito. Isso é muito mais importante que a culpa do Thor.

    Mais uma vez: parabéns pela iniciativa!

    Caio

      • Muito estranho: Você, cara blogueira, defende a discussão de idéias aqui, em alto nível, mas não parece suportar bem essa mesma, quando são visões diferentes das suas.
        Postei três comentários sobre o assunto, todos discutindo as idéias, não as pessoas, respeitando o debate sem ofensas. No entanto, como minha opinião é diferente da sua, e alicerçada por raciocínios, senão corretos, ao menos lógicos, meus comentários estão, estranhamente, ainda aguardando moderação, sem serem publicados, nem respondidos.
        Será, uma espécie de censura, minha cara?
        Desculpe se não for, mas é o que parece, já que você parece lidar muito bem com elogios e opiniões congruentes…
        Visitei seu blog, contribui por uma discussão construtiva, mas ja vi que a consideração passou longe…
        Quem sabe em outro assunto, em que eu concorde, possa meus comentários terem ahonra de serem publicados no seu blog.

      • Primeiro: Peço desculpas, achei que havia aprovado todos os comentários. Inclusive o wordpress não “avisou” que tinham comentários para aprovar.

        Segundo: Você está enganado. Não deixei de aprovar (com exceção do erro que cometi com você) um único comentário, mesmo os mais escrotos que se tratavam de dizer que o meu único objetivo era receber dinheiro de Eike ou Thor. Como se eu precisasse do dinheiro deles para expor a minha opinião.

        Terceiro: Assim como seus comentários, o meu texto foi baseado no meu raciocínio quanto as matérias e notícias que chegaram até mim. Afirmei em resposta a outros comentários que posso estar errada, mas essa é minha verdade agora. É a verdade que eu vejo. E se não posso acreditar nessa verdade, em qual acreditarei?

        Terei que viver sempre à sombra de toda informação que chegar até mim por medo de não ser uma notícia verdadeira?

        Peço desculpas mais uma vez por não ter reparado nos comentários antes. Como pode ver, aprovei todos e comentei. Caso queira continuar na conversa do assunto, estou aqui e não deixarei de responder!

      • Ok, retiro minha infundada acusação de censura…rsrsrsrs…
        Letícia, o que vejo de positivo, é que em sua resposta, é que você afirma ser essa verdade, a “sua, no momento” : Perfeito, assim, penso que todos devemos agir, pois verdades absolutas e imutáveis, são para os tolos, pretensiosos de ja possuir todo o saber do universo.
        Não é nosso caso, então, tratemos de voltar a ele( o assunto velocidade e os deuses de Asgaard).
        Reparou, Letícia, que a mesma pressa de julgarem Thor, por este ser filho de Odin Batista, foi suplantada, pela rapidez que o pai, no Twitter, alguns momentos depois, matava pel asegunda vez, Wanderson, desta feita, a sua memória, achincalhada como o causador do acidente.
        Como pôde, tão rapidamente, Eike twitar que a vítima era culpada? De onde veio tanta certeza?
        Existe, no seu artigo, algo de muito interessante, que chama a atenção para evitar o pré julgamento, que realmente existiu por serem os semideuses milionários, e nós, pobres, temos inveja deles,
        É verdade ! Mas, o motivo de toda essa celeuma, é que neste caso, THOR É CULPADO !
        Meus argumentos:
        1) Guiava seu Mercedes Mc Laren , de forma ilegal, já que por força obvia de suborno, conseguiu, apesar de possuir 18 pontos em sua CNH provisória. Basta apenas uma multa, para que se perca o direito de dirigir, caso esta seja cometida nos primeiros doze meses de CNH.Para se obter a CNH definitiva, NÃO PODE HAVER INFRAÇÃO neste primeiro ano.
        2) Ainda assim, acumulou 52 pontos na sua CNH, quase todas por excesso de velocidade.
        3) Raciocine comigo: Um playboy, milionário, opta por um carro que alcança 370 km/h, não adquiriu essa belezura pensando em respeitar os limites de velocidade, não é?
        4) Os depoimentos de testemunhas, todas contradizem o policial , que afirma que Wanderson atravessou a pista. Seu caminho habitual, era pelo acostamento, e não havia necessidade de atravessar a pista.
        5) Que teste de alcoolemia fez Thor, se sabemos que não haviam aparelhos no psto da PRF?
        6) Da mesma forma, como se pode provar que Wanderson estava alcoolizado?
        7) É reincidente, já atropelou um idoso de bicicleta. Sua imperícia , parece apontar para um problema comum, a quem tem pouca experiência ao volante: Não calcular bem a distancia da guia, à sua direita. Assim, atropelou o velhinho de bicicleta.
        8) A tentativa de intimidação e humilhação feita pelos acessores de Eike, no enterro alardeando seu poder, e reclamando do valor de R$ 8.000,00 (oito mil reais), das custa sd enterro, parecem mesmo uma confissão de culpa: Tamanha falta de respeito e serenidade, parece realmente, de carater intimidatório.
        9) Finalmente, pode apostar, todas as provas periciais, vão apontar Thor, não só como inocente, mas farão dele quase um ídolo, a começar pela tentativa de dizer que houve socorro a vítima: Não houve: O pobrezinho do Thor, ao ver a face desfigurada de sua vítima, sentiu-se mal, abandonou o local, e foi comunicar o acidente no posto da PRF mais próximo, onde se submeteu a teste de alcoolemia sem aparelho (sic), e rapidamente, apareceu um policial testemunha, a calhar…
        Desculpe o texto longo, estou um tanto prolixo hoje…

  16. Deixa pra lá……pessoas ai que só fizeram questão de frisar o quanto cada um tem em sua conta. Porque? Caso estão pensando que o filinho do papai, gostou do comentário, e vai dar alguma esmolas á vcs??? se liguem!? Todos sabemos que vivemos em uma sociedade em que o dinheiro fala mais alto…Foda-se a classe pobre. Certo,errado, inocente ou culpado….ninguém nunca vai saber. Mais quem garante que o ciclista realmente não estava errado, não estava bêbado???

    • “Reles Mortal” (Podia usar o nome né??)

      1 – Conheço inúmeras pessoas que já estouraram os pontos da CNH. Infelizmente esse não é um mérito só de Thor e sabemos disso. As pessoas simplesmente não vão parar de dirigir por um “capricho” do governo.

      2 – Idem do comentário acima. Vale lembrar que possivelmente ele não seja o único a dirigir o “carrinho”.

      3 – Juro, JURO que quero acreditar no que foi passado na mídia. Óbvio que ele devia correr com o carro, mas também não acredito que ele achasse que estivesse num Missão Impossível 24h/dia. Deixo aqui o benefício da dúvida, tanto pra ele quanto pra você.

      4 – As fotos que foram divulgadas nas redes me passaram a impressão de que (com meu conhecimento Dexteriano de padrões de manchas de sangue) o acidente não aconteceu no meio fio e sim no meio da pista.

      5 – Na sua afirmação sobre a falta do material no PRF (e não só sua, claro) a única coisa que posso dizer é do que li, vi e ouvi. Como disse em outros comentários, posso estar completamente enganada.

      6 – Mais uma vez vamos ter que confiar nas pessoas, né?

      7 – Sim, é reincidente, mas qual a sua garantia de que ele “não aprendeu a lição”? Aliás, nesse caso, qual a minha garantia também, não é mesmo?

      8 – Não tinha conhecimento dessa informação. Se isso aconteceu, minha balança tende a pesar mais pro “outro lado” do que do lado de Thor. Convenhamos, oito mil reais não fazem falta na poupança dele…

      9 – Tô sem resposta. (rs)

      A minha questão pra você é: Será que devemos ficar sempre bitolados então achando que tudo no mundo é uma conspiração dos ricos pra se dar bem na vida? Será que vamos viver eternamente com os dois pés atrás toda vez que algo assim acontecer?

      Não sei se você leu o texto que escrevi depois desse do Thor contando um caso que aconteceu no ES onde um motorista se envolveu em um acidente, fugiu do local sem prestar socorro e logo após foi morto em um acidente de carro..?

      Quer dizer, dadas as diferenças nos dois casos, e dadas as notícias que recebemos, Thor foi muito mais digno que esse cara que morreu, concorda?

      • Sim, Leticia, o “Reles Mortal agora tem nome: Murilo.
        Na verdade, o pseudonimo foi só uma ironia casada com o trocadilho do nome do filho do Eike.
        A verdade, é que me irrita profundamente tudo que rodeia essa arrogância de semideuses, a começar pela escolha do Nome do filho, passando por todas as maracutaias em que essa nefasta figura está envolvido.
        http://cabralnuncamais.blogspot.com.br/2012/02/eike-batista-e-sergio-cabral-usam.html
        http://oglobo.globo.com/rio/eike-batista-divulga-nota-sobre-emprestimo-de-jato-que-levou-sergio-cabral-bahia-2759424
        http://www.marcelofreixo.com.br/site/noticias_do.php?codigo=324
        http://www.jornalpequeno.com.br/2009/7/18/Pagina115917.htm
        http://alerjln1.alerj.rj.gov.br/taqalerj.nsf/8b99ca38e07826db032565300046fdf1/3a746463804f222083257411007b6a45?OpenDocument
        Perdão, Leticia, por tantos links, mas é apenas a ponta de um iceberg de lama, onde nada altaneiro nosso personagem.
        Calma, não serei eu que reduzirei a pó, sua esperança numa sociedade menos assustadora, nem ouso dizer que todos os ricos são corruptos…
        Mas, a verdade, é que existe sim, uma conspiração das elites, com finalidade de perpetuarem seus privilégios, para todo o sempre.
        Não acreditam que o planeta e o criador, em toda sua sabedoria , acertou nas medidas. O planeta, suporta toda a raça humana, e tem riquezas para todos. Mas, eles não acreditam nisto.
        Desde o golpe militar, a educação, principal ferramenta de uma sociedade melhor, foi criminosamente sucateada, cresceu no seio dos anos de chumbo, uma emissora poderosíssima, com capital americano, planejada para alienar, emburrecer e criar uma consciencia pró-EUA, na população. Foram extremamente bem sucedidos em tudo !
        Mas, não venceram a guerra !!!
        Enquanto Letícia, existirem pessoas, que pensam, escrevem, leem e discordam, eles não terão vencido !!!
        Rede Globo, Eike, Sergio Cabral, Eduardo Paes, Sarney, Milícia, políticos, empresários inescrupulosos, todos são os bois nomeados…
        Mené, tequel, feres (inscrição misteriosa, feita por uma mão invisivel na parede de um palácio Babilonico), que significa: Contado, pesado, avaliado. Tudo o que fazem, será devidamente computado.
        Mas, enquanto isso não acontece, a gente vai resisitindo, debatendo, filosofando, alertando..
        É prazer , discutir com você.

      • Também acho um prazer discutir com gente inteligente, Murilo. Infelizmente tô na correria do trabalho agora e espero poder discutir mais com você, mas, por hora, enquanto não puder ler os links que vc me mandou, vou ficar quietinha!😉

  17. Quer merda de texto. Quando ganhas para defender o filho do bilionário? Esse texto é no mínimo tendencioso…

  18. Há dias tenho pensado em me manifestar no meu blog também sobre o caso, mas penso que tu teve essa coragem mais rápido. E, tenho certeza, que se posicionou de uma forma clara e coerente
    .
    Há muitas coisas envolvidas nesse caso, e, garanto, a condição financeira do Thor só serve para uma coisa: nos mostrar que poderia acontecer com qualquer pessoa, mas por ser ele e filho de quem ele é, o caso veio à tona. Apenas isso. Quantos acidentes não acontecem todos os dias, e ninguém fica sabendo e muito menos julga antecipadamente. Se fosse eu ou você no lugar dele, aposto que ninguém saberia e seríamos submetidas da mesma forma à perícia e à investigação.

    O que acontece é que não podemos, em hipótese alguma, seguirmos o senso comum. Falo porque sou bacharel em direito também, e tenho o dever de fugir da opinião que todos seguem. Quantas vezes não ouvi falarem “você não irá defender bandido”, sem ao menos saberem que é um ser humano que sim, cometeu erros, mas tem, sobretudo, direito à defesa. Enfim, quanto ao cado do Thor, antes de qualquer coisa, não é o filho do Eike Batista que está sendo indiciado (ou não), é um rapaz de 20 anos de idade, assim como muitos outros dessa faixa etária que se envolvem em acidentes de trânsito.

    E, com certeza, caráter não vem de bolso, muito pelo contrário, é muito mais louvável essa atitude de quem tem dinheiro. Queria saber quantos desses que estão julgando, se estivessem no lugar do Thor, fariam a mesma coisa. Garanto que uma mínima parcela. Porque julgar, apontar o dedo na cara é muito fácil, olhar pro seus erros, julgar a sua vida é que é muito difícil, infelizmente.

    Quando dizem que o Brasil não vai pra frente porque existem pessoas que nem o Thor que nunca serão punidas, eu discordo piamente. Porque tenham certeza, filho de rico também é punido, não se enganem. Se fosse comprovada a culpa dele com certeza ele seria indiciado. Estudem antes de falar, conheçam os crimes pelos quais vocês estão julgando alguém, não se esqueçam, poderia ser qualquer um de nós.

    Se o Brasil não vai pra frente, como dizem, é porque as pessoas ainda se preocupam muito mais em apontar os erros dos outros do que admitir os seus, e isso o Thor fez. Tanto é que a própria Globo, no Jornal Nacional, apontou a atitude dele como quem agiu com lisura e correção, e isso é para poucos.

    Parabéns mais uma vez pela tua coragem, posicionamento e artigo.

    Juliana

  19. Aprende que com a mesma severidade com que julga, você será em algum momento condenado. Aprende que o tempo não é algo que possa voltar para trás. E você aprende que realmente pode suportar… que realmente é forte, e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais. E que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida. William Shakespeare

  20. Se vc é branco, classe média e rico, vc está no final da fila mas é o primeiro a pagar os impostos q proporciona esssa postura paternalista do governo aos supostos fracos e oprimidos. Vc pode ser chamado de branco, riquinho e isto não é preconceito.

  21. Pessoal, o airbag do carro não é acionado pela velocidade da colisão!!!
    O que aciona os airbags são sensores na frente do carro, como a frente do carro nao afundou (o ciclista passou por cima do capô) os airbags não acionaram!! O motorista podia estar a 300 por hora que nao acionaria do mesmo jeito!!

  22. Eike e Thor possuem uma legião de babões!!! É, o carro dele estava devagarinho, tão devagar que arrancou o coração do coitado do ciclista!
    Gostaria de ver o autor do texto, ser tão defensor do Thor, se fosse o seu pai que tivesse sido atropelado!

  23. “O nosso país não é de primeiro mundo, por causa da mentalidade pobre das pessoas.” Certo ou Errado, Rico ou Pobre, Novo ou Velho isso não interessa, caráter não se compra, nem se vende. Eu acho que devemos esperar pra vermos o resultado dos laudos. Se fossem pessoas sem caráter, podiam muito bem dizer que era um segurança que estava dirigindo, já que não teve nenhuma testemunha no local do crime, e ai assunto acabado. Inveja são para os fracos e Nobreza para os forte.

  24. Eu não consigo entender que alguém escreva um artigo sem antes consultar fontes segurar,ou simplesmente assistisse o jornal diário.
    1º A perícia constatou que os airbags do carro somente se acionariam com uma freiada brusca o que não aconteceu.O que mostra que o motorista não viu o ciclista.
    2º Por um acaso Eike Batista pagou também para você escrever isso.
    3º Não porque ele pagou o enterro que vai fazer ele se redimir do crime.
    4º O argumento mais forte de Thor é que o teste do bafômetro deu 0,00000000,Agora que derrubaram esse argumente provando que onde Thor afirmou ter feito o teste do Bafômetro não havia em momento algum o aparelho para fazer o teste,agora responda o teste foi realizado como?colocando um isqueiro na boca dele e ele assoprando.
    Quando se não sabe o que escrever nem escreva,porque palavras idiotas só mostra o quanto idiota é o editor.
    Defenda seus princípios não os princípios alheios.
    Uma pessoa que não tem opinião própria é uma pessoa sem caráter.
    Se Thor sair impune do seu crime é porque a justiça no Brasil ainda continua uma porcaria e muito longe de se tornar boa.E porque também seu pai tem muito dinheiro para subornar juiz,delegados,e policiais.
    Quem não deve não teme,então porque chamar para defender o filho o ex-ministro da justiça,corrupto defendendo corrupto.

    Agora coloco minha reputação e minha cabeça a disposição.

    • “Quando se não sabe o que escrever nem escreva,porque palavras idiotas só mostra o quanto idiota é o editor.”
      Então vamos lá… A frase correta ficaria assim: Quando não se sabe o que escrever, não escreva. Pois palavras idiotas só mostram o quão idiota é o autor!

      Agora que aprendemos a escrever podemos então julgar os fatos que foram passados na mídia. Essa é minha opinião. E não, não fui paga por ninguém pra escrever isso!😉

      • Engraçado mesmo é quando se escreve um artigo somente com a intenção de se expressar o que pensa,mas quando se defende bandido,a primeira coisa feita é tentar fazer cair na graça de Eike Batista.Como mostra que esse artigo foi retweetado na página de Eike,será que foi obra do destino ou somente alguém procurando um emprego melhor,alguma propina.Eike como empresário é meu ídolo mas em relação a esse assunto pra ele morreu.Sei que se essas palavras chegarem ao conhecimento de Eike,desculpe pela franqueza mas o mundo não gira somente em torno do dinheiro gira também em tornos dos valores éticos e morais.

    • Cara, se o cara pode contratar o caralho de asa, ele contrata; agora porque o cara tem dinheiro é obrigado a subornar uns e outros. Porque ele não teve reação de frear o carro em uma estrada anoite, porque ele tem 20 anos estava dirigindo o carro de 2,5 milhões ele é culpado???? Na bíblia diz para não jugarmos os outros. Ele pode ser culpado ou inocente deixa que o tempo mostra. Eu acho que ninguém gostaria de ter um acontecimento acabado em morte na cabeça. Me desculpe,mais pessoas como você tem aquela velha mentalidade “A nosso país só tem corruptos, e não vai mudar nunca!!!” CARA ACORDA… Fica minha critica ao seu comentário, aceite ou ignore.

      • Rodrigo, você foi o primeiro a me “insultar”. Respondi na mesma altura. Você tem uma cabeça tão pequena e alienada que acha que o mundo é uma conspiração e eu, uma pessoa com um blog desde 2008 sem a mínima audiência, fui paga pelo Eike Batista pra escrever um texto sobre o filho dele, ou então, quis ganhar fama ou a graça de Eike escrevendo esse texto. Velho, acorda, sai de casa, vai tomar um ar e ver que as coisas não funcionam assim não.

  25. Concordo que no Brasil existe a cultura de se culpar os mais favorecidos por todas as mazelas da sociedade. Porem, esse caso merece algumas consideracoes:

    1 – o fato de os airbags nao terem estourado nao provam que a velocidade era inferior a 100 Km/h. Para os que conhecem automoveis, e principalmente, os que costumam assistir testes de colisao (crash test), sabem que o que provoca a abertura dos airbags nao e a velocidade, e sim a desaceleracao, e o acionamento dos sensores de disparo dos airbags, que ficam em pontos-chave da estrutura do veiculo, para assegurar que a abertura dos airbags ocorra somente em caso de real necessidade. Como mera informacao, os crash tests sao realizados em velocidades entre 60 e 80 Km/h. E os airbags sao acionados mesmo a 60 Km/h. No caso especifico de atropelamento, seria algo muito raro ocorrer a abertura dos airbags, pois o corpo humano seria arremessado para cima, nao atingindo a estrutura frontal do carro, onde se encontram os sensores do sistema de airbags, e tampouco ocorreria uma desacelerecao repentina e forte o suficiente para armar o sistema.

    2 – o local onde ocorreu o atropelamento ainda me parece obscuro, pois testemunhas afirmam que o rapaz encontrava-se no acostamento, mas a defesa afirma que o rapaz estava na segunda faixa, e para atestar apontam marcas de freada na segunda faixa. Essa afirmacao me parece bizarra, tendo em vista que o carro em questao e um Mercedes SLR McLaren. Para ter marcas de frenagem no asfalto, teria que ter ocorrido o arrasto dos pneus do carro no asfalto por conta da aplicacao de forca no pedal do freio, que ocasionaria o travamento das rodas, resultando nas tais marcas de pneu, correto? Correto. Se o carro nao possuisse sistema anti-travamento dos freios (ABS). Nao e o caso deste carro, que conta com freios de carbono nas 4 rodas, com sistema ABS, EBD, BAS, etc. Isso significa que mesmo que fosse aplicada uma forca sobre-humana no pedal do freio, os sistemas de auxilio a frenagem nao permitiriam jamais que as rodas do carro travassem, tornando assim, impossivel que este carro deixasse qualquer marca de arrasto de pneus no asfalto.

    Muito louvavel o fato de o garoto ter prestado socorro a vitima, de ter prestado depoimento, de dar toda a assistencia a familia do rapaz, e por nao estar embriagado. Porem acho que tudo deva ser investigado, e os fatos apurados devidamente, e principalmente sem pre-julgamentos. Eu nao gostaria de estar na pele do Thor Batista nesse momento. Alem da dor e do peso de saber que uma vida foi tirada pelas suas maos, mesmo que nao tenha sido por culpa dele, ainda tem que aguentar toda a pressao da midia e da opiniao publica, que sao implacaveis no Brasil.

    • Tiago,

      Perfeitas as suas coloções. E não é preciso ser perito para tais ciências que você apontou, bastando, apenas, conhecimento básico sobre determinado a.ssunto, no caso, a engenharia de carros. Minha empresa tem uma porcaria de carro com ABS, a saber, um Fiat Strada. Se eu não consigo colocar marca com um ABS geração, digamos, 3, imagina um em 7! Há outras mil questões duvidosas no depoimento, pois, como todos sabem, é impossível observar, no momento de perigo iminente ou colisão, com tudo que acontece, atentar p/ a redução de velocidade de 100 p/ 90km/h. E se atentou, significaria que não estava olhando para onde tinha que olhar, pois deveria prestar atenção na manobra (ou seja: ESTRADA e instrumentos de segurança). Enfim, é o seguinte: a autora, com sua paixão ou ignorãncia (no sentido de falta de cultura sobre aspectos técnicos auomobilísticos), acredita no que na opinião de uma das vítimas; autoridades fingem que acreditam em tudo o que acontece; quanto a mim, digo, tudo bem pra vc, autora, tudo bem pro depoimento do motorista e tudo bem para o raio que o parta, pois como diz algums, boa noite, pois vocês estão com a vida ganha. Há erros no meu texto, sim, pois digito numa porcaria de um Milestone 3, que tem uma porcaria de um Android com bug que não me permite voltar a linha; porrcaria essa depois de ter uma porcaria de um Blackbery e uma porcaria de um iPhone. No final, filhota, tudo passa, e certas discussões, vc perceberá – ou não – que não valem a pena levantar bandeiras ou questionamentos. Melhor ler mais e escrever menos, adquirindo mais culura sobre determinados assuntos, não caindo na onda, nem de um, nem de outro. Revise meu texto, e poste uma matéria sobre os bugs do Milestone 3 em seu blog, como falha de teclado.

      • Iahn, se você leu todos os comentários acredito que pode reparar que eu simplesmente ataquei quem me atacou. Eu não dou a mínima pro que você tem ou diz ter, não te conheço e não vou te conhecer. Então agradeço seu comentário do seu Milestone 3. Espero que você possa, se for de sua vontade, comprar um em breve. Volte sempre!

    • Minha querida, só corrigindo não foi delegacia foi num posto da PRF, e foi dito por um dos policiais que não falo que estava lá quando Thor Batista foi ao posto, disse que no posto não ficariam bafômetros, pois os mesmos aparelhos ficariam nas viaturas, agora te digo uma coisa, eu nunca passei num posto da PRF que não tivesse uma viatura estacionada. NÃO REPLIQUE INFORMAÇÃO DA MIDIA, na midia não existe sinceridade, tem muitas coisas envolvidas(politica, ações, se duvidar até chifres mal resolvido)…

  26. Neste país, a corrupção é acima da média. Por míseros 100 mil, há gente que vende a saúde do brasileiro. Por que não vender um ser negro, pobre e sem instrução? Classe média alta pode tudo, por que um bilionário não pode? Desculpe…não acredito na polícia, nos políticos e muito menos na justiça que se vende…muito rabo preso não faz este país ser honesto. Quem está certo? A testemunha ocular ou o dinheiro? Por que a declaração da pobrezinha não tem valor? Sei muito bem em que país moro, e sei muito bem o quanto os poderosos são corruptos. Neste país tudo é vendável. TUDO! Negar até o fim é lema para qualquer ser com o mínimo de instrução. Não precisa ser gênio para saber disso. E isso de que este país está mudando cantado váriasd vezes pelo EIKE em seu twitter é baléla de espertinho. Ele mesmo fez acordo com vários políticos para conseguir as terras dos sem nada para instalar suas empresas. Se informem e pensem antes de puxar saco de oportunistas neste país lindo mas lamentável por estes políticos entre outros.

      • Mas será que temos que pensar que pessoas com poder e influência sempre vão comprar outras pessoas? Eu não vou te dizer que acredito em contos de fadas e que tudo dá certo no final porque não dá, mas será mesmo que temos que desconfiar sempre de tudo e todos? (Eu ainda guardo um pouco de esperança comigo. deveria joga-la fora…)

  27. Sinceramente , não adianta falar bonito e continuar com os antolhos, na minha opinião tu defecou pelos dedos. Isso aqui ta mais parecendo noticia da globo. Hail !

  28. VAMOS PARAR DE HIPOCRISIA. ONDE NO NOSSO PAÍS QUEM TEM DINHEIRO SOFRE ALGUMA PENALIDADE? ACHO QUE O POBRE CICLISTA QUIS SE MATAR. SÓ FALTA COBRAREM INDENIZAÇÃO DA FAMÍLIA DELE POR TER TIDO A OUSADIA DE BATER NO CARRO DO POBRE COITADO DO RAPAZ.
    AH!!!!!! FALA SÉRIO!!!! TU ACHAS MESMO QUE TUDO QUE VOCE ESCREVEU É VERDADE. SÓ TE TU ACREDITAS EM HISTÓRIA DA CAROCHINHA.

    PS: NÃO TENHO SÓ 13 REAIS NA CARTEIRA.

  29. Concordo em partes com você. Esse escarcéu todo é porque o Thor é bilionário, pois se fosse um fodido qualquer, pagaria 500 reais de fiança e a história toda seria apenas mais um número nas estatísticas.

    Porém, o texto ficou estranho quando você começou a relacionar os dados que “inocentam” o Thor. Ora, de onde saiu todas essas informações já que não li nada disso? Você tem as fontes? Onde ele fez o teste do bafómetro? Li que uma testemunha disse que ele não estava presente quando a policia chegou, isso é mentira? A testemunha mentiu? Se não mentiu, como ele pode ter prestado socorro a vítima?

    Mas o que matou o texto foi a palavra “invejosos”. Típico argumento de quem defende os pobres ricos/famosos. “Você critica alguém mais rico que você? Então é inveja”, “Você não gosta do meu ídolo, é inveja”, “Fala mal de Crepúsculo? Faz um filme melhor seu invejoso”.

    Estou cansado de ver esse tipo de argumento infantil. Somando isso a já citada falta de fontes, então temos um texto muito bem escrito, com um tema instigante mas que se perde na babação de ovo.

    • Essas informações foram as que eu obtive na mídia, online, tv, qualquer coisa.

      A questão não é a inveja, mas a vontade, a necessidade de se punir um ser humano pelo status dele. Não necessariamente por inveja, mas por achar que é um padrão ser rico e inconsequente, talvez. Posso estar errada, mas né, essa é minha opinião!

      Obrigada, de verdade pela crítica!😉

  30. Não é questão de achar que ele é um playboy inconsequente.É porque ele é um playboy inconsequente,tantos pontos na carteira e tem gente que ainda defende esse tipo de pessoa.O engraçado é que o editor do texto fez com tudo que esse artigo fosse visto por Eike Batista,pelo twitter.E ainda vai ter gente aqui querendo tirar o seu da reta dizendo que não fez tal graça.
    Para quem acredita ok.
    Para quem ainda tem dúvidas,fiquem na certeza de que Thor vai ser inocentado,por falta de provas.(Desfecho normal para pessoas com o seu status social,isso não é diferente do que acontece no Brasil inteiro)
    Confiram lá no Twitter do Eike Batista,que ele mesmo Rt esse post.

    • Então quer dizer que o editor do texto (eu, escritora, Letícia, prazer) quis que esse texto fosse lido pelo Eike Batista… Ok, faça assim, vá no twitter, clique em Search e procure QUALQUER menção minha @sanseverini ao twitter do @eikebatista diretamente linkada a esse texto pedindo que ele lesse…

      Outra coisa, SE, SE eu tivesse feito isso, qual o problema em expressar a minha opinião pra ele? Você não está fazendo o mesmo aqui? E tantos outros não fizeram quando mandaram mensagens a ele e ao filho no twitter?

      Pode conferir sim, Eike RT esse texto na sexta feira passada, por volta das 18h e 19h. Agora de resto, seu comentário é tão válido quanto vale alimentação pra pagar uma puta. Sem mais.

  31. O que me admira ainda(porque se não fosse tal condição eu não estaria escrevendo) é UMA EDITORA com palavras tão bem elaboradas,lançar palavras assim ao vento como quem discute politica,até chegar o ponto de usar uma linguagem tão vulgar para justificar seus atos.O que eu ainda me lembro entramos em uma discussão educada e saudável,para a expressão das ideias.Porém expor suas ideias de maneira clara e verdadeira.Não de forma vulgar e incompleta.
    E sem contar que tomou um rumo completamente diferente do que o artigo,passou para pessoal e aqui ninguém tem o direito de falar nada de ninguém.
    Se você se sentiu ofendida com alguma palavra minha desculpe-me.
    ————————————————————————————-
    Aonde Thor Batista realizou o teste do BAFÔMETRO?
    A pericia foi realizada completa?
    E as marcas de freadas?
    E o dinheiro todo envolvido? Todos temos uma reputação a zelar,custe o que custar.

    • Rodrigo, o Thor não será inocentado por causa do seu dinheiro, nem por causa de seu status e muito menos por ser defendido pelo ex-ministro da justiça. Ele será inocentado porque as leis de transito são uma vergonha, um desserviço, uma burrice. Qualquer pessoa seria inocentada e pagaria uma fiança pífia.

      Como disse, concordo em partes com a escritora. O fato dessa comoção toda se dá apenas por que o cara é bilionário, pois diariamente acontecem “acidentes” bem mais absurdos do que esse e ninguém dá a mínima. Não vou entrar no mérito dela ter escrito ou não pro Eike ver porque, sinceramente, não vejo mal nisso. O que me incomodou realmente foram os dados convenientemente favoráveis ao Thor em todos os sentidos. Mesmo que ele tenha sido inocente, impossível ele ser TÃO inocente assim. Dentro do limite de velocidade, 0,0000… de álcool no sangue, prestou socorro, etc. Praticamente um anjo do asfalto.

      E é por isso que esse belo texto perde força ao ser tendencioso. Parece um texto da Veja (e isso não é um elogio).

      • Mas o que realmente nos leva a essa discussão é o fato de ser um entre tantos outros acontecimentos no Brasil,que não tem nenhuma resolução correta dos fatos.O fato dele admitir que fez o teste do bafômetro quando não fez é uma dessas questões X.Sem resposta ele fez ou não,o policial admitiu que ele não fez.Será que por esse fato Eike Batista vai querer a devolução do suborno?Ou será que amanhã esse policial vai ser afastado da corporação.Claro Eike tem amigos influentes na politica.Ele mantem seus contatos.
        Quanto ao anjo,ops.Quanto ao Thor ficou até esquecido nessa discussão;
        Não estamos aqui para julgar valores éticos e morais.
        Somente para expressar nossa indignação quanto a penalidade de crimes no Brasil,onde trabalhador está morto por um carro que custa quase 3 milhões que anda e atropela por vontade própria quem anda no acostamento e se joga em frete ao carro.

        Gente esse caso é como um jogo de xadrez:o rei é Eike,e as demais peças são as pessoas que a qualquer custo defendem que as paga e muito bem…
        Está a pouco da justiça dar um xeque na corrupção e dar um basta no reinado

  32. Agora somente queria citar alguns trechos de noticias do Brasil e do mundo:

    “A assessoria de imprensa do grupo EBX, já havia afirmado que o ciclista “atravessava inadvertidamente” a rodovia no sentido Rio no momento do acidente e que Thor dirigia na velocidade permitida –110 km/h.”

    “O carro, que custa pelo menos R$ 2,7 milhões, pode atingir velocidade acima de 300 km/h.O que põe em xeque justamente o fato de Thor ter adquirido um carro que pode chegar a essa velocidade, num país onde a máxima permitida é de 120 Km/h.”

    “E também sobre o fato do acusado ainda ter direito a dirigir após acumular mais de 51 pontos de infração em sua carteira de habilitação.”

    “A família de Wanderson, a vítima, alega que o rapaz andava pelo acostamento e não teria motivo para cruzar a rodovia, já que morava daquele lado da estrada.”

    ““O coração dele foi parar dentro do carro, por isso eu sei que ele foi pego de frente. Se ele tivesse atravessando a rodovia como estão falando, teria sido pego de lado”, disse uma tia da vítima, Maria Vicentina Pereira.”

    Mais uma vez temos a prova de que vale mais, quem tem mais….
    Que vergonha meu país! O segredo é ser rico, a vida das pessoas e o risco que elas correm, quando “boysinhos” como este rapaz incosequente, é de menor importância, se comparados ao dinheiro que ele tem.
    Dúvida?! Será que é menos doloroso morrer atropelado por uma Mercedez ou por um Fusquinha?
    Quando se é atropelado por uma Mercedez, a vítima estava no local errado e na hora errada,
    Quando se é atropelado por um Fusquinha, a vítima é realmente “vítima”, e o pobre dono do fusca, um irresponsável, alcóolatra e “POBRE”.

    Brasil, meu Brasil brasileiro……………………………………………….Até quando???????????

    • Bom, isso mostra que os dados da escritora estavam equivocados.

      Agora, não creio que bradar contra as diferenças sociais seja muito útil nesse caso. Não precisa ser bilionário e ter uma Mercedes de 3 milhões pra ser playboy. Pelo contrário, ele é a exceção, quantos acidentes desse tipo você lembra de ter visto? Agora, imagina a quantidade de acidentes com “manos” em seus fuscas e Unos com sons que valem mais do que os próprio carros, bêbados e saindo de bailes funks.

      Veja bem, quero deixar claro que não estou defendendo Thor e nem culpando os pobres, só estou dizendo que essa mania que temos de culpar os mais ricos é sem sentido. O problema está mais enraizado do que se pode imaginar, um bom começo é rever TODA a legislação de transito, mas para acabar com essas atitudes, só mesmo uma educação de qualidade a longo prazo, para que as novas gerações cresçam com um senso de cidadania apurado.

      Você questiona até quando, pois bem, eu lhe digo até quando: Enquanto o “jeitinho brasileiro” for reverenciado, a malandragem for considerada arte, os pais ensinarem os filhos a furar fila no recreio, os policiais jogarem no bicho, os adolescentes não souberem escrever uma frase direito, ser pobre ser sinônimo de caráter…..isso continuará acontecendo.

      Você fica indignado com os ricos e políticos corruptos, mas se esquece que eles são o reflexo da sociedade. E se o Thor for condenado e ir pra prisão (e TEM que ir se realmente for culpado)? Restará apenas aquele sentimento de justiça passageira até que outro caso ganhe os noticiários. Não se engane meu amigo, o brasileiro é um povo corrupto, por mais que doa admitir isso. Em vez de gritar “até quando Brasil?”, experimente gritar “até quando povo brasileiro?”. Temos que assumir nossa parcela de culpa nessa sujeirada toda, senão não passaremos de uma massa de gente apontando o dedo uns para os outros esperando alguém fazer alguma coisa.

      Somente a educação salva esse país.

    • Rodrigo, se o ciclista estava a caminho da casa dele, na pista que era mão, como pode ele ter sido atropelado de frente e o coração do ciclista ter entrado no carro? Pelo que vi nas fotos divulgadas pela mídia, as marcas na pista não eram de alguém que estava no acostamento. Você pede pra atentar aos fatos e não a matérias enganosas nos meios de comunicação mas não percebe que até nesses meios é impossível omitir toda a verdade.

      Pra mim a sua raiva é com a probabilidade de um milionáriozinho filhinho de papai sair livre, impune dessa. Agora peço sua atenção nesse link aqui do meu blog: https://areyouin.wordpress.com/2012/03/26/categoria-nova-coisas-da-vida/

      O que você acha disso?

  33. Mas era exatamente esse o propósito mostrar que não há espaço para equívocos,o problema não é culpar os ricos,os magnatas.É uma questão de justiça,vocês acham que eu julgo ele pelo status,mas não eu escrevo décadas mais tempo do que se possa imaginar.E escrevo com plena convicção que justiça será feita e que ele será culpado.
    Não por ele ser rico,mas por ele ser tão imaturo e inconsequente.Não é porque o pai dele tem muito dinheiro que ele pode fazer o que quiser pois é bem assim que eles pensam.
    Enquanto vocês defendem a parte podre da elite,sabe que eles fazem eles riem,por causa desse tipo de discussão pobre,é isso que eles querem que o povo forme a opinião que eles querem ouvir.

    • Opa, cuidado. Não estou defendendo ninguém, não tenho dúvidas de que ele é imaturo, e que se for culpado, ele tem que pagar por tudo segundo essa lei ridícula que nós temos.

      Discussão pobre? OK, então paro por aqui, não nada mais a ser dito sobre isso.

      • Flabis, o Rodrigo também deu suas cutucadas na gente. A real é que sim, temos opiniões divergentes das dele, mas ele ao invés de discutir fica insultando. Parto da mesma opinião que a sua. Essa é minha posição agora, dos fatos que tenho. Se isso mudar daqui um tempo e descobrirmos uma “verdade” diferente, a gente vê o que acontece… E sim, faço questão de postar outro texto.

  34. otimo texto cara. parabens! eh preciso pessoas que analisem racionalmente as situaçoes e nao se influenciem pelo discurso inflamado do datena

  35. pela avaria q ficou no carro, duvido muito q ele estivesse abaixo de 100km/h… o air bag nao funcionou pq o impacto de fato nao foi frontal, mas no parabrisa (devido pancada do corpo do ciclista), basta ver a foto… a menos de 100km/h pra ter aquele amassado todo, sei nao… do nosso Brasil, infelizmente não duvido de nada, temos q ter olhar crítico em cima de absolutamente tudo e qualquer reportagem ou notícias!
    PS:. Não gosto do Datena!!!

  36. Confesso que tive que rir com uns comentários aqui…
    Não acho que o Thor seja santinho, mas concordo que ele foi crucificado pela população antes do total conhecimento dos fatos. E antes que falem que sou “lambe cu”, “estou pedindo emprego pro Eike”, ou algo do tipo, quero deixar claro que eu não gosto do Thor. Acho-o besta, egocêntrico, vazio e afins…
    Para mim, no fim, tudo se resume a uma questão: A Letícia escreveu o que ela pensa no blog DELA, o que é um direito seu. Em blogs pessoais a gente escreve o que pensa, e ponto. Discorda, ok. Mas mantenha o nível quando discordar né gente?
    Melhor isso do que escrever em muita revistinha de quinta, posando de “imparcial” e “jornalista”.
    Enfim. Era isso.

    • Eu só aprovei os comentários escrotos exatamente pra mostrar como as pessoas são estúpidas. Ao invés de usarem argumentos, fatos, usam xingamentos, dizem que procuro emprego, dinheiro. Eu também ri de todos, e os que me deu vontade eu respondi. Por exemplo, a Maria Madalena me chamando de lambe cu. Uma pessoa que usa um personagem bíblico pra fazer um comentário desses merece o que de mim?
      Obrigada pelo comentário e pela sensatez. =)

  37. O caso Thor Batista, não de hoje, reflete o sentimento de impunidade ligado ao corenelismo e ao nefasto estágio político brasileiro. Não estou afirmando, longe disso, a culpa de Thor Batista; pelo contrário. O fato é que a impunidade, no mais das vezes, é associada ao alto nível de influência político-financeira – que é o caso do pai de Thor Batista.
    Mas isso esta longe de ser uma premissa: acredito na justiça desse País. O grande desfecho, penso, passaria pela conclusão da perícia, que, certamente, será inconclusiva (não poquê o investigado é Thor Batista, mas sim pq o caso é complexo, não sobrevindo qualquer testemunha visual – único meio de prova possível a atestar com fidedignidade a ocorrência fática do infortúnio). Penso que, seja Thor Batista, seja o ex-presidente Lula (de quem não guardo qualquer simpatia), sejo o João, José, Maria, todos devem ser tratados com respeito, presumindo-se inocentes, até decisão última em contrário: com a voz, o judiciário brasileiro.
    Quanto ao fato de alguns acharem que certas opiniões sejam ditas em razão de interesse pessoal (como se Eike Batista le-sê-as), confesso: não tenho qualquer afinidade, aproximação (ou vontade), pretensão, qualquer q seja. A única “coisa” que desejo de Eike, Thor, você leitor (mesmo que teças severas criticas a minha opinião), é o respeito. Não peço que se deixe seduzir pelas minhas palavras. Peço, apenas, que compreenda minha posição, seja favorável ou contrária à ela. Por fim, “a latere”, qual a fonte de que o “airbag” somente infla quando o veículo atinge velocidade superior a 100km/h? No meu modo de ver, com a devida vênia, absurda a conclusão

  38. Foi um acidente, fato que está diante dos olhos de qualquer um. Se você não tem provas, não acuse (codigo penal Art. 138). Alguns argumentos que aparecem são de gente que nunca vão dar o braço a torcer. Mesmo que passasse um filme na frente deles mostrando o que aconteceu, ainda assim achariam um motivo pra falar.

  39. Só quem sabe o que realmente aconteceu foi o Thor e o amigo que estava dentro do carro com ele. E, obviamente os seguranças que estavam atrás acompanhando eles.

  40. Bom dia
    É dificil avaliar de quem é a responsabilidade deste acidente ou incidente , mas convenhamos que nossas estradas provincianas não comportam esse tipo de veiculo nem tantos outros ,que pericia tem um jovem de 20 anos prá dirigir um bolido ,quase um formula um nas ruas ?e com a pontuação estourada ,independente se foi um leão de chacra ou ele a dirigir ,na Europa as auto estradas tem limites de 200km e não tem 10% dos acidentes daqui,pq lá estrada é estrada e toodos tomam cuidado ,tudo aqui cheira a atraso e corrupção esta é a questão ,sem querer culpar o thor ou o ciclista imprudente se for o caso ,mas quem num carro desses consegue andar devagararinho,e pra que um motor mclaren?.

  41. Sinceramente? Acho que todos vocês que estão aqui comentando sobre como o eike e seu filho são pessoas más e que compram exames toxicológicos, nunca pegaram num carro pra dirigir. Se tivessem pego, provavelmente já teriam se deparado com ciclistas imprudentes. Imprudentes, sim. Não são só motoristas que cometem erros, ciclistas, pedestres, e todo o resto, também. É claro, o motorista tem de dirigir de forma defensiva. Mas certas coisas não há como evitar. Foi um acidente. E acidentes acontecem com gente pobre e com gente rica. E nenhum deve ter mais ou menos culpa por conta de sua condição financeira. E, para a infelicidade de vcs que pelo visto têm um grande preconceito com pessoas mais socialmente favorecidas, Thor não pareceu ter tanta culpa assim.

  42. Eu não acredito que em são consciência alguém possa dizer que eu estou insultando alguém o que eu escrevo aqui são palavras de alguém que escreve criticas é para isso que eu ganho,sim acredite eu ganho por isso quando alguém paga eu defendo até o capeta,e se você não consegue distinguir algo sério disso que você publica no seu blog que você tem a sei lá quanto tempo.Você deveria se tornar atriz.É não é questões divergentes das minhas,tomando por exemplo,você defende até a morte um menino de 20 anos que tem um enorme histórico relativos a problemas de trânsito.
    51 pontos na carteiras,isso é para os forte,eu não tenho 10 pontos na carteira.Os pobres completam os 25 pontos e a justiça tira a CNH,o RG,o CPF e até seu título de eleitor,e sem contar a multa e a suspensão do direito de dirigir por 12 meses,você não lê nenhum artigo de internet,você não lê ou escuta nenhum jornal,.isso ajuda sabia,a desenvolver o senso crítico,e ideais próprios,não defendendo teses.
    Bem dito companheiros,sou alguém tentando constestar uma idéia que talvez possa ser válida.Mas ousar a dizer que minha sugestão é antiquada,mas a única coisa que me dá é pena e estou livre para que se alguém queira criticar minha críticas, ou minha pessoa para mandar por e-mail.E se pense que estou escrevendo isso por acaso,não.Eu me indignei com esse artigo pelo modo em que ele persuadiz o leitor a um modo que leva induzi-lo ao erro.Um erro de julgamento um erro de expessão,porque no momento em que se defende uma causa na qual não se tem nada a ver você se torna membro dessa quadrilha criminosa que é a sociedade dos magnatas brasileiros.
    Você pode ter dito que estava dura mas sua intenção não foi válida,pois você esqueceu de colocar o número da sua conta báncaria,assim é fácil ganhar pouco dinheiro para escrever qualquer coisa.Se um dia eu precisar de dinheiro vou lembrar que basta eu escrever contra meus valores ético e morais,e em seguida dizer que estou com pouco dinheiro e esperar o contato imediato e certeiro de algum magnta querendo me dar uma bonificação por defende-lo,posso pedir R$2,000.00 dá para compra do mês e passa com a melhor bebida e o melhor tabaco cubano.
    O que me irrita não é mais esse caso,é a ignorância do povo brasileiro,vocês tem medo de alguém falem o que vocês pensam não é porque a autora se rendeu aos caprichos que voces devem também.
    E eu acho tão engraçado uma editora com com um texto fantastico,replicar os comentários com réplicas tão curtas e pobres.
    Pois o dia em que eu vender minha opnião para um assunto que você tenham certeza que eu não goste,tenha a certeza de que foi por muito dinheiro e não por mixaria.

    Dare nemo potest quod non habet, neque plus quam habet,i Age quod agis

    • Cara, você continua com a sua escrotice estampada na cara. Pra um crítico, você é um ótimo padeiro.
      Você mesmo acaba de afirmar que se for pago pra escrever sobre algo, escreve até sobre o capeta. Não insulte você a minha inteligência com seus comentários descabidos.

      Outra coisa, essa é a MINHA opinião, o blog é meu, não é? Eu não estou sendo paga e não quero ser paga por ninguém pra expressar uma opinião contrária a minha (de novo, como você mesmo diz que faz se for bem pago)

      E outra, se eu te incomodo tanto com a minha ignorância e ingenuidade, por que ainda comenta aqui? Procure blogs melhores, com um conteúdo que te agrade então. Enquanto você entrar “na minha casa” pra me ofender, eu vou continuar rebatendo seus comentários. Se você acha que eu tô apelando, releia seus comentários e veja que, a minha educação terminou com a sua.

      E não poste frases bonitas em latim que podem ser traduzidas no google tradutor, pra mim pouco importa sua habilidade em copiar e colar.

  43. Independente se Thor foi ou não culpado, Eike perdeu uma grande oportunidade de não só reverter a imagem negativa do filho, como fazer um grande bem ao país, ou, pelo menos, ao Rio de Janeiro, local do acidente. Imaginem se Eike resolvesse investir em ciclovias seguras no Estado? Não faltam projetos, e para ele, não falta dinheiro. Tenho certeza que esse investimento seria nada para ele, que passaria de vilão a herói, com um ato louvável e de grande beneficio para a sociedade.

      • Pois é, Lana. Eike perdeu a oportunidade de investir em ciclovias, já que seu patrimonio é proveniente de dinheiro publico, em maracutaias que vem desde o tempo em que seu pai era agraciado pela amizade com militares, e escusos negócios de mineração, e participação no escandalo da venda da Vale. Ao invés de ciclovias, ele prefere receber de presente do Sergio Cabral, um Maracanã novinho em folha, que só custou UM BILHÃO E MEIO do dinheiro publico.

  44. Na verdad acho q nada eh concreto , mas sei q não levará a nada ficar acusando o Thor, pq não sabemos oq aconteceu e qm foi realmente o culpado… como disseram éh mais facil acusar akele q tem mais dinheiro pq assim achamos q eles são playboyzinhos e não dão a minima para a vida dakeles q tiram ..
    Mas como ja disse não concordo com as acusações feitas a Thor Batista não temos ainda conclusões concretas sobre o fato !!!

    • Pois é, Marina, nada temos de concreto…Enquanto isto, predomina a versão do mais forte, que Wanderson foi o culpado pela própria morte, sabendo de informações devidamente filtradas pela imprensa, pois ninguém é louco de atravessar o caminho de Eike Batista. Escondem poe exemplo, que somente com o impacto, o braço do ciclista, foi decepado na hora: Pra quem estava a 90 km/h, isto é impossivel !
      LEVANDO EM CONSIDERAÇÃO O NAIPE DA QUADRILHA QUE ASSALTA OS CARIOCAS (Cavendish, Eike, Sergio Cabral, Pezão, milicianos, etc…) Sabe-se que jamais saberemos o que realment ehouve, pois a versão oficial ja está empurrada goela abaixo de nós, cidadãos !

  45. Concordo com vc !!!
    jamais saberemos oq realmente aconteceu, qm era o culpado ow se o Thor estava realmente 90 km /h , mas acho que isso NÃO NOS DAR O DIREITO DE SAIRMOS CULPANDO O LADO MAIS FRACO DO FATO…
    e sabemos tbm que Eike pod comprar sim as acusações feitas a Thor e retirar td aquilo q o imcrimina , afinal, qm tem dinheiro compra td nesse país ate a justiça !!!!

    • Thor Batista, é como ja disse, culpado, pois não existe lei da física que prove que se arranca um braço só com a pancada, se a velocidade é de 90 km /h.
      A pericia, conclui que ele estava a 135 kn /h, e ainda acho pouco para tamanho estrago. Some-se a isso, ele ter 51 pontos na CNH, todos por excesso de velocidade…Ja atropelou em outra ocasião, é amante da velocidade e de carros velozes…Coincidencia, matar um ciclista logo quando estava devagar, né?

  46. A Polícia Civil indiciou nesta sexta-feira (11) o filho do empresário Eike Batista, Thor Batista, pelo crime de homicídio culposo – quando não há a intenção de matar – no inquérito que investigava o atropelamento e a morte de um ciclista na Rodovia Washington Luís, ocorrido em março deste ano.

    De acordo com laudo feito pelo Departamento Geral de Polícia Técnico-Científica, Thor Batista dirigia sua Mercedes-Benz SLR McLaren a 135 km/h quando atropelou Wanderson Pereira dos Santos, de 30 anos. A velocidade máxima permitida para veículo de passeio na rodovia no trecho em que houve o acidente é de 110 km/h. Segundo o laudo, a conclusão foi obtida “com base na aplicação de leis físicas oriundas da mecânica newtoniana”.

    E a conclusão foi obtida com base nas Leis Físicas segundo Isaac Newton.Não foi a minha lei,muito menos a do Eike.
    Dessa vez não farei crítica nenhuma porém fica os trechos de um dos jornais mais renomados jornais do Brasil.

  47. não estou duvidando do rapaz por ele ser rico ou playboy mas sim porque nos primeiros dias do acidente houveram testemunhas que disseram que o rapaz foi pego no acostamento sem falar que o local o bar que a vitima costumava ir para beber não era perto de onde foi atropelado e sem falar que ele estava indo comprar coisas para fazer o bolo de aniversário de um familiar e por que então iria parar para beber,por que então todos voltaram atras do que disse e por que essas testemunhas sumiram,isso na verdade cheira a muita gente comprada, por que será que é tão dificil acreditar que rico é inocente deve ser por que as provas de acusação sempre sempre somem,normal …

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s